para maiores de 18 anos

9
jan 2018

Episódio da semana: disfunções sexuais masculinas. Assista ao programa!

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

Na última sexta-feira (05), o episódio inédito do Erosdita abordou as disfunções sexuais masculinas. Eu recebi a psicóloga e terapeuta sexual Semíramis Prado, autora de um livro sobre técnicas de tratamento da ejaculação precoce. O andrologista Ricardo Lyra também participou do programa explicando as características das disfunções sexuais mais comuns entre os homens e esclarecendo mitos que as rodeiam.

Assista ao programa:

nenhum comentário

3
jan 2018

Episódio da semana: sexo no processo de envelhecimento. Assista ao programa!

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

Na última sexta-feira (29), o episódio inédito do Erosdita discutiu o sexo no processo de envelhecimento. Eu recebi no estúdio a psicoterapeuta corporal e sexóloga Magali Marino. A geriatra Michele Bautista também participou do programa explicando quais são as principais características do sexo e da sexualidade após os 60 anos para homens e mulheres.

Assista ao programa completo:

nenhum comentário

31
dez 2017

Episódio da semana: sexualidade na adolescência. Assista ao programa!

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

Na última sexta-feira (22), o episódio inédito do Erosdita discutiu a sexualidade na adolescência, etapa repleta de dúvidas e curiosidades. Eu recebi no estúdio Bethania Cunha, psicóloga e integrante do programa estadual IST-HIV/Aids, que orientou sobre como utilizar a camisinha (feminina e masculina) com segurança. O programa também contou a presença da médica Betinha Fernandes, especialista em saúde do adolescente, que respondeu a diversas dúvidas dos telespectadores.

Assista ao programa completo:

nenhum comentário

20
dez 2017

Erosdita discute sobre o acesso de pessoas trans ao mercado de trabalho. Assista ao programa!

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

Na última sexta-feira (15), o terceiro episódio da nova temporada do Erosdita discutiu os direitos e dificuldades das pessoas trans no mercado de trabalho. No estúdio, eu recebi a psicóloga e travesti Céu Cavalcanti, que debateu o tema e falou sobre o preconceito que sofreu ao se candidatar a uma vaga de emprego em uma universidade particular no Recife.

O programa contou ainda com a presença da servidora federal Robeyoncé Lima, primeira advogada a ter o nome social registrado na carteira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), além do promotor de justiça Maxwell Vignolli, que orientou sobre como agir em caso de transfobia no local de trabalho. O Erosdita também conversou com as idealizadoras da Rede Monalisa, uma plataforma que conecta pessoas trans a vagas de emprego.

Assista ao programa completo:

nenhum comentário

15
dez 2017

Masculinidades em pauta no Erosdita. Assista ao programa completo!

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

O episódio 02 da nova temporada do Erosdita na TV Pernambuco, discutiu a construção social da masculinidade. Eu recebi o antropólogo Sirley Vieira, coordenador executivo do Instituto Papai, ONG que atua prioritariamente com homens contra todas as formas do machismo.

O programa também exibiu uma reportagem sobre a Escola de Ser, projeto social localizado na cidade de Rio Verde, interior de Goiás, onde se trabalham temas como feminismo e desconstrução do machismo com crianças. Eu fui até o local e conversei com os alunos e também com a coordenadora e psicóloga Nathália Borges.

Para quem perdeu o programa, para quem viu e quer rever, para quem mora fora de Pernambuco, aqui está o episódio completo!

nenhum comentário

5
dez 2017

Erosdita discute violência sexual na infância. Assista ao programa completo!

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

Como vocês já sabem, o programa Erosdita estreou mais uma temporada na TV Pernambuco! O programa de estreia trouxe o tema da violência sexual na infância e contou com a presença da mobilizadora do Canal Futura, Cinthia Sarinho. A pedagoga Caroline Arcari, autora do livro “Pipo e Fifi”,  também participou explicando quais são os sinais clássicos que indicam que uma criança está sofrendo violência sexual.

Para quem perdeu o programa, para quem viu e quer rever, para quem mora fora de Pernambuco, aqui está o episódio completo!

nenhum comentário

1
dez 2017

Erosdita estreia nova temporada na TV Pernambuco

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

Chegou a hora! Estreia HOJE a nova temporada do Erosdita, programa muito querido apresentado por mim e que aborda questões relativas a gênero, sexualidade, Direitos Humanos, saúde e educação sexual numa perspectiva inclusiva e plural. Anota aí: o programa vai ao ar toda sexta-feira, às 18h, na TVPE! O tema do primeiro episódio é violência sexual na infância. Eu recebo no estúdio a mobilizadora do Canal Futura, Cinthia Sarinho, e também converso com a pedagoga Caroline Arcari, autora da premiada série de livros “Pipo e Fifi”, que auxiliam crianças na proteção contra a violência sexual e busca de ajuda.

A nova temporada contará com 12 episódios inéditos discutindo um tema diferente a cada semana. Transexuais no mercado de trabalho, violência sexual na infância, masculinidades, sexualidade após os 60 anos, visibilidade lésbica, arranjos familiares e pós-pornografia são alguns dos assuntos debatidos pelos convidados do programa.

Cinthia Sarinho, mobilizadora do Canal Futura, é a convidada do estúdio.

nenhum comentário

6
set 2017

Exposição Mundo Clit celebra a sexualidade feminina no Dia do Sexo

 
publicado em: educação sexual, sexo
por: Julieta Jacob
 

Que tal uma tarde no sítio de histórico de Olinda (PE), ou ali pelo Marco Zero (PE), na beira-mar de Cascais (Portugal) ou até de Copacabana (RJ). Se preferir um roteiro mais cosmopolita, não tem problema: seguimos para um passeio pelo metrô de Nova Iork para então desbravar a cidade. Agora imagine todos esses pontos turísticos visitados não por você, mas por um modelo 3D do clitóris em tamanho real. What? A gente garante que não é loucura (ou sim, dependendo do ponto de vista): é a Expo Mundo Clit, promovida pelo projeto Clitóri-se, idealizado por mim e Caroline Arcari.

Além da exposição, o projeto também oferece o curso on-line CLITÓRI-SE, que (re)conta a sexualidade feminina sob o ponto de vista das mulheres – sem tabus, mitos ou vergonhas.

Clit 3D passeando pelo Sítio Histórico de Olinda (PE). Foto: Clitóri-se

Clit 3D no Marco Zero (PE). Veja a galeria completa da expo clicando neste link

Clit 3D fazendo pose em frete à Estátua da Liberdade, NY

Corajosa, poética, ousada, carnavalesca, única… em cada foto a clit 3D assume uma personalidade! (confira a galeria completa clicando neste link. São 18 imagens!!). A série fotográfica, protagonizada pela clit 3D (modelo concebido pela pesquisadora francesa Odile Fillod), tem como objetivo desmistificar esse órgão do prazer feminino e promover o reconhecimento da existência, importância, anatomia, estética e fisiologia do clitóris.

Ao contrário do que muita gente pensa, ele não é “apenas” um pontinho minúsculo na vulva: possui 8 mil terminações nervosas (o dobro da quantidade presente no pênis), além de raízes e bulbos que ficam dentro do corpo e podem medir até 10 cm de extensão.

A escolha de lançar a exposição no dia 6/9, Dia do Sexo, foi justamente para chamar a atenção para a necessidade de apurarmos e divulgarmos informações mais claras e precisas sobre a sexualidade feminina. Sem tabus, sem mitos e sem vergonhas. O acesso a esse tipo de conteúdo faz parte dos nossos direitos sexuais e reprodutivos, afinal. Queremos dar visibilidade a um assunto importantíssimo e que jamais deve sair de pauta.

Até agora, a expo Mundo Clit já conta com fotos clicadas em Nova York, Lisboa e em várias cidades do Brasil. Mas é só o começo! Queremos levar nossa clit para muitos outros lugares do planeta! E, claro, precisamos da sua ajuda! Você também pode participar da Expo Mundo Clit com a sua foto: basta fotografar a sua clit 3D lindona em um ponto turístico da sua cidade ou em alguma situação prazerosa, curiosa e/ou cotidiana e nos enviar por email para o falecom@institutocores.org.br. Não esqueça de indicar o local da foto e o crédito da imagem. Se publicar a foto nas suas redes sociais, marque nossos perfis no facebook e instagram (@clitorinea) e use as hashtags #mundoClit e #clitorise. Já estamos ansiosas esperando as fotos das clits passeando faceiras por esse mundão!!! 

Esperamos que vocês curtam as imagens e se divirtam nesse passeio clitorisante!

leia o post completo »

nenhum comentário

11
jun 2017

Projeto Clitóri-se traz para o Brasil comercialização do modelo anatômico do clitóris em 3D

 
publicado em: educação sexual
por: Julieta Jacob
 

Ufa! Foram quatro meses de trabalho árduo regado a conversas instigantes, descobertas incríveis, boas risadas e muita, muita parceria. Está no ar o Projeto CLITÓRI-SE, idealizado e gestado com muito carinho por mim e Caroline Arcari.

jjj

As educadoras sexuais Julieta Jacob (esq.) e Caroline Arcari estão à frente do CLITÓRI-SE!

Clitóri-se é uma metáfora pela liberdade, soberania sobre o próprio corpo, saúde e cidadania. A soberania sobre o próprio corpo é, sobretudo, um ato político.

leia o post completo »

1 comentário

17
abr 2017

“Se a pessoa não tem sexo definido, ela não tem direito a existir”, denuncia mãe de bebê intersexo

 
publicado em: educação sexual, estudos de gênero
por: Julieta Jacob
 

Estima-se que 1,7% da população mundial possua algum estado intersexual visível a olho nu. Mas a intersexualiade ainda é pouco compreendida e, por isso, um grande tabu que precisa ser derrubado para que as pessoas intersexo tenham a sua dignidade reconhecida e respeitada.

ASSISTA AO PROGRAMA EROSDITA SOBRE INTERSEXUALIDADE

A psicopedagoga e educadora sexual Thaís Emília de Campos, que mora no interior de São Paulo, passou por um grande transtorno no nascimento de seu filho mais novo. Como o bebê apresentou ambiguidade sexual, a equipe médica não pôde definir se ele era menino ou menina.

Como consequência, a declaração de nascido vivo, concedida pelo hospital, não foi preenchida e nem entregue, pois o documento exige que se defina o sexo do bebê (e só existem as opções “masculino” ou “feminino”): “Como eu deixei o hospital sem essa declaração, meu filho perdeu o direito ao cartão de assistência do SUS e também ao convênio médico, e eu perdi a licença maternidade no prazo correto. Percebi que se a pessoa não tem sexo definido, ela não tem direito a existir”, denuncia Thaís.

img_4983

A psicopedagoga e educadora sexual Thais Emília de Campos enfrentou muitos transtornos para conseguir registrar o seu bebê intersexual no interior de São Paulo.

A história de Thaís e seu bebê foi contada no programa Erosdita. Nós também conversamos com a advogada Carolina Ferraz, que atua na área de gênero e diversidade sexual. Ela mostrou as questões jurídicas relativas à interssexualidade e alertou que as chamadas cirurgias de “readequação” sexual podem ser, na verdade, mutiladoras. Confira o programa Erosdita completo e inscreva-se no canal para não perder o programa da próxima semana!

img_4738

“Os cariótipos não estão restritos ao xx e xy, existem também os mosaicos, as variações”, explica a ginecologista com atuação em Sexologia Vilma Maria, nossa entrevistada no programa Erosdita (assista ao programa completo).

leia o post completo »

1 comentário
Page 1 of 1412345»10...Last »

Copyright © 2018 - Julieta Jacob - Todos os direitos reservados